Skip to content

☆ Um 2010 Suficiente para Você ☆

11/01/2010

Estou um “pouquinho” atrasada, mas vamos là.. Todo o  inicio de  “Ano Novo” é sempre a mesma coisa.. uma época de reflexão, as pessoas ficam mais amorosas, mais compreenssivas..

É também uma época em que viemos das festas de Natal, onde os “presentes” tomam conta do momento, isso para demonstrar carinho, afeição, dentre outros sentimentos..

Também é época de desculpas (muitas), choros, arrependimentos, perdões, … ,  ou para sair (completamente) da dieta ou para prometer que irà iniciar uma no “Ano Novo” (clàssico!), depois das festas é claro, ou fazer todo tipo de promessas que às vezes nunca serão cumpridas ao longo do “Ano Novo”.. (eu mesma sou campeã nisso)

Final de Ano, e um balanço do ano que passou é quase inevitàvel.. Muito trabalho, muitas lutas, algumas alegrias, algumas tristezas.. Oportunidades desperdiçadas, oportunidades aproveitadas..

O “Ano Novo”  é época de aproximação de pessoas, seja familiares, parentes, amigos, pessoas que você talvéz nunca tenha visto, mas é “Ano Novo” então age com um sentimento único.. e essas mesmas pessoas se tornam os seus melhores amigos, de tal ponto, que o “Ano Novo” nem chegou, e vocês jà sabem quase tudo da vida do outro..

O “Ano Novo” é um dia diferente, porque convecionamos assim.. mas serà que esse sentimento de  “Ano Novo”, esse gerador de carga de expectativas não deveria permanecer ao longo de todo o “Ano Novo” ?? Por que fazemos planos apenas no inicio dele?? Por que na maioria das vezes não cumprimos o plano que estabelecemos nesta época?? Será que esquecemos de “anotar”, ou falamos por falar, para enganar nos mesmos?? Serà que não deveriamos agir diferente neste próximo “Ano Novo”?? Você jà frustou-se alguma vez com você mesmo, devido a promessas que você tenha feito para você mesmo?

Ah no “Ano Novo” vou ir mais na igreja, vou fazer isto, aquilo, vou visitar fulano, beltrano, … , vou dar mais atenção para minha familia, vou fazer regime, vou aprender isso, esquecer aquilo, reaprender isso, aquilo, vou agir assim no meu trabalho, e isso, aquilo, … , e ai vai.. É, falar é muito bom e precisa falar mesmo, mas realizar, fazer acontecer é bem melhor, pode ter certeza disto..  Será que conseguiremos realizar tudo e agradar à todos??

Com certeza não, mas é preciso ter a garantia da maioria..  Buscar o “Novo” é muito bom, mas traz consigo riscos maiores, porém a reconpensa é bem melhor, seja de inovação, aprendizagem, crescimento ou experiência..

Às vezes, fico observando o relogio, o ponteiro dos segundos, deslizando sem cessar, indicando a passagem inexoràvel das horas.. E me pergunto: estou conseguindo tornar cada momento vàlido?? Logico que não estou..

É dificil escapar dessa sensação de tempo desperdiçado.. Coisas que poderia ter feito e não fiz.. Pior que isso, coisas que deveriam ter sido feitas e foram adiadas, não sei exatamente o motivo.. Minutos que não voltam mais..

Quando tempo a gente perde num estado de espirito besta, cultivando màgoas, raivas, tristezas, sem perceber que a vida generosa nos chama, dizendo:

– Ei você, é você mesmo, alegre-se, venha participar, seu tempo ainda não se esgotou, você ainda tem muito para realizar.. Deixe para tràs o que passou, esqueça as coisas ruins, é tudo tão pequeno, você um dia vai deixar isto tudo aqui.. Tudo passa.. Cultive a alegria, arregace as mangas, este mundo é seu, você pode contribuir para tornà-lo melhor.. Você está vivo!! Então, viva!!

2009 não foi o melhor ano da minha vida, mas aproveitei ao màximo as razões que me fazem levantar todas as manhãs.. “Pequenos” e importantes detalhes que tornam todas as màs coisas/pessoas minusculos problemas..

Conheci pessoas maravilhosas, me aproximei de outras que nem imaginava a possibilidade de uma amizade tão legal e também me decepcionei..

“Talvez os nossos erros escrevam nossos destinos. Se não, o que mais formaria nossas vidas? Talvez se nunca mudássemos de direção, jamais nos apaixonaríamos, ou teríamos bebês, ou seríamos quem somos. Afinal de contas as estações mudam. As cidades também.
As pessoas entram e saem da sua vida.
Mas é bom saber que quem se ama está sempre no seu coração, e se você tiver muita sorte, a um vôo de distância.”

(Carrie Bradshaw, Sex and The City)

Ainda em 2009 li um post da Patricia no otimo Turomaquia, que me fez refletir tudo o que quero para 2010.. Fazendo um Crtl C – Crtl V bàsico, o texto é o seguinte:

Dia 21 de dezembro de 2009. Começa a se aproximar o momento das resoluções para 2010. Pensa bem, ao invés de prometer ir à academia, aprender inglês, emagrecer tantos kilos, aprender a dizer não, porque não pensar em coisas mais prazerosas!?

Já faz algum tempo que deixei de lado coisas tão prosaicas mas muitas vezes tão fora do alcance, que a única coisa que geram é frustração. Porque aquela vontade tenaz de ir à academia costuma desaparecer quando começa a época das  chuvas. Ou aquele lance de dizer não, é demasiado doloroso, quando alguém que você ama tanto te pede algo com aquela cara linda e chorosa.

Agora a única coisa que me proponho é conhecer, é ir atrás de certos objetos que frente a frente te fazem sentir como a pessoa mais afortunada do mundo. Lugares que te levam a viagens interiores tão intensas que é difícil girar a cabeça e prosseguir, mas é necessário seguir o caminho. Só que depois de vê-los, o caminho já não é, e nunca mais será o mesmo. Às vezes são necessários dias para entender de forma completa lugares, pessoas, objetos que estiveram diante teus olhos sei lá, por escassos 5 minutos.

Ir atrás destes objetos me enche de esperança, porque trazem esta aura de humanidade. Evocam esta memória que alimenta sonhos e nos faz seguir adiante mesmo diante de tanto caos.

E é bem isso mesmo.. Muitas vezes vivemos acomodados na nossa zona de conforto.. estamos tão acostumados com nossos comportamentos que eles não nos causam ansiedade nem riscos..

Se quisermos assumir riscos, aprender, inovar, experimentar, crescer , ser um vencedor, somos obrigados a sair da nossa zona de conforto,por mais que possamos resistir.. Ninguém passa a vida inteira sem encontrar dificuldades.. (ok, isso todos nos sabemos bem.. infelizmente!)

“A incerteza é um fato da vida, a única coisa da qual podemos ter certeza”.. Neste “Ano Novo” você que decide, continua fazendo como sempre fez, ou faça diferente, o “Novo” é muito pessoal, então veja o que realmente é importante para você e decida se vai fazer acontecer ou não.. Se você vem buscando o “Novo” , parabéns!! Se não, veja o que é importante para você e decida fazer ou não, o que importa é a sua decisão, mas se realmente optar em fazer algo “Novo”, faça com entusiasmo e paixão, o que requer muito trabalho, sim ,trabalho, trabalho e trabalho..

Não crie expectativas exageradas, pise no chão firme, mas trabalhe para o “Novo”, não espere alguém pegar na sua mão e dizer: “vamos amigo, faça isso, aquilo…”, todos nos devemos ter ciência do que precisamos fazer, faça o que tem que ser feito e faça bem feito, seja exigente com você mesmo, se precisar de ajuda, peça a pessoa certa, se alguém precisar de ajuda, ajude, mas ajude com o coração..

Eu poderia fazer uma lista gigantesca de coisas que quero que se realizem em 2010.. mas no momento so quero SER FELIZ.. pois sei que se eu estiver feliz  (principalmente comigo mesma), o resto vai se ajeitando..

Para que seu “Ano Novo”, seja realmente “Novo”,  é necessário que você seja diferente, saia da sua zona de conforto, busque a realização dos seus objetivos, seja o melhor em tudo que você faça, tenha sede de aprender o “Novo”, e ensine tudo que você sabe, acredite no seu crescimento e no crescimento das pessoas ao seu lado, esqueça as contrariedades, permaneça focado em seus objetivos, não tenha medo de sombras, você é unico, somente você conseguirá realizar seus sonhos, mexa-se, e acredite sempre em seu Deus..

Que seu  “Ano Novo” seja realmente “Novo”, claro se você almejar que seja..

E para finalizar um texto super bacana que recebi por email dia desses..

Há pouco tempo, estava no aeroporto e vi mãe e filha se despedindo.
Anunciaram a partida, elas se abraçam e a mãe disse:

– Eu te amo. Desejo o suficiente para você
A filha respondeu:
– Mãe nossa vida juntas tem sido mais do que suficiente. O seu
amor eh tudo de que sempre precisei. Eu também desejo o
suficiente para você

Elas se beijaram e a filha partiu.
A mãe passou por mim e se encostou na parede.
Pude ver que ela queria, e precisava, chorar.

Tentei não me intrometer nesse momento, mas ela se dirigiu a mim, perguntando:
– Voce já se despediu de alguém sabendo que seria para sempre?
– Já respondi. – Me desculpe pela pergunta, mas por que foi um
adeus para sempre?
– Estou velha e ela vive tão longe daqui. Tenho desafios a minha
frente e a verdade e que a proxima viagem dela sera para o meu
funeral.
– Quando estavam se despedindo, ouvi a senhora dizer “Desejo o
suficiente para você, Posso saber o que isso significa?
Ela começou a sorrir.
– Eh um desejo que tem sido passado de geração para geração
em minha familia.
Meus pais costumavam dizer isso para todo mundo.

Ela parou por um instante e olhou para o alto como se estivesse
tentando se lembrar em detalhes e sorriu mais ainda.
– Quando dissemos “Desejo o suficiente para você estamos
desejando uma vida cheia de coisas boas o suficiente
para que a pessoa se ampare nelas.
Entao virando-se para mim, disse, como se estivesse recitando:
– Desejo a você sol o suficiente para que continue a ter essa
atitude radiante.
– Desejo a você chuva o suficiente para que possa apreciar mais o sol.
– Desejo a você felicidade o suficiente para que mantenha o seu espirito alegre.
Desejo a você dor o suficiente para que as menores alegrias na vida
parecam muito maiores.
– Desejo a você que ganhe o suficiente para satisfazer os seus
desejos materiais.
Desejo a você perdas o suficiente para apreciar tudo que possui.
– Desejo a você amigos suficientes para que chegue ao
adeus final.
Ela começou então a soluçar e se afastou.

(Autor Desconhecido)

P.s.: Meta de 2010.. arrumar esse blog que anda MEGA abandonado.. ** vergonhoso ** .. Tempo eu tenho, assuntos também, so falta vontade.. mas depois do meu “empolgamento” inicial de 2010, quem sabe!!

7 Comentários leave one →
  1. 11/01/2010 16:27

    Obrigado por formar parte de um post que chega à alma!
    Beijos e um lindo 2010

  2. ☆☆ Martinha ☆☆ permalink
    11/01/2010 16:34

    Que isso Patricia..
    A honra foi toda minha.. pois graças ao seu post, que criei coragem de escrever, mesmo atrasadinho..
    Super beijo para vcs, e um Otimo 2010..
    Espero conhecê-la esse ano.. afinal, não estamos “tão” longe..
    Otima semaninha..
    =)

  3. 11/01/2010 16:37

    Olá, conheci seu blog através do Twitter, eu te sigo por lá! Achei bastante interessante e gostaria de saber se você topa fazer uma troca de links. Desculpa escrever isso por aqui, mas não achei nenhum email para enviar.

    Aproveito para desejar um 2010 cheio de viagens pra você!🙂

  4. ☆☆ Martinha ☆☆ permalink
    11/01/2010 16:45

    Oi..
    Seja Bem Vinda (o)..
    Sem problemas nenhum.. o meu email està no ☆☆ ME ☆☆ .. mas esse blog anda(va) meio abandonado.. tudo muito confuso.. dai agora que estou dando uma ajeitadinha nele..
    Tirando a poeira..
    Obrigada.. para você tb.. e se Deus quiser, um dos meus proximos destinos é Brasil..🙂

  5. 11/01/2010 17:05

    Eu desejo que você deseje o suficiente, que consiga o máximo, e distribua o que puder.

  6. ☆☆ Martinha ☆☆ permalink
    11/01/2010 17:11

    Merci Maaa..
    Desejo o dobro à vc..
    E principalmente que fique otEma logo..
    Gros Bisous!!

Trackbacks

  1. ☆ 1° Aniversàrio do Blog ☆ «

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: